12 de jun de 2010

Mach die Augen zu und Küss mich

"Quando dois pares de olhos se enamoram, a azáfana do dia se cala.
Retumba o peito, apenas.
E pelas veias trafega o escarlate divino, pulsante,
como a tonalidade que é atribuída ao gostar...
Quando os olhos se fecham, abre-se um leque de percepções."
Esse texto é de um amigo que adoro Marcio Vandré.


O que mais me chamou a atenção foi o titulo.
Que traduzido diz: "Feche os olhos e me beije".
Tem algo melhor que isso?

Como ele mesmo termina o texto escrevendo que "abre-se um leque de percepções"
Posso ser româtica demais.
mais é que os pequenos gestos e olhares dominam meu ser.
É bom lembrar dos momentos que tenho ao teu lado.
da mão na minha nuca, de sentir beijos em toda face, dos
olhos fechados,
da paz que me faz sentir. E do sorriso que contamina todo o meu ser. #FELIZ#

Um comentário:

  1. Sabe quando você ler um texto e ele te leva a viver a situação?pois bem...esse é um desses textos.Tanto do Vandré quando o seu Dam.São tão cheios de verdade que nos sentimos vivendo tal situação,bom demais ler textos assim.

    ResponderExcluir

Gostou???